Diferenças entre e-learning e treinamento presencial

e-Learning e treinamento presencial

O ensino à distância, ou e-learning era visto de maneira prejudicial até alguns anos atrás, considerado inferior e sem o mesmo valor. No entanto, isso mudou muito no decorrer dos últimos anos, sendo hoje considerado um grande substituto para o treinamento presencial, especialmente em tempos de pandemia.

Existem muitas diferenças entre ministrar um treinamento presencial ou virtualmente, no entanto, ambas não são excludentes, podendo até mesmo utilizar de um sistema híbrido.

O e-learning passou por avanços indescritíveis desde sua gênese, quando eram enviados livros ou VHSs para a casa das pessoas ou mesmo um horário específico que o rádio deveria ser ligado. Hoje em dia existem opções de vídeo conferências, vídeo aulas, fóruns, textos, artigos.

Mas afinal, quais são as vantagens do ensino remoto? Quais as diferenças verdadeiras entre o e-learning e o treinamento presencial? Siga conosco, pois vamos responder essas e outras perguntas.

Vantagens do e-learning

Sem limitações geográficas

Devido ao fato de ser acessível de qualquer aparelho, seja um computador ou smartphone, através da internet, em qualquer lugar, não há uma limitação de onde os alunos devem ser, podendo ter pessoas de todo o Brasil, ou até do mundo.

Flexibilidade de horário

Da mesma forma que o ponto anterior, pelo acesso ser feito remotamente, cada pessoa pode decidir qual horário é melhor para si. Ao contrário do treinamento presencial, onde todos devem estar no mesmo ambiente ao mesmo tempo, essa flexibilidade permite a adequação para todas as necessidades.

Atualização

Os conteúdos são todos geridos por uma plataforma online, comumente chamado de LMS (Learning Management System). Desta forma, o responsável pelo curso ou treinamento pode atualizar todos os conteúdos à medida que mais conhecimento se torna disponível, de forma que o material nunca se torne obsoleto.

Custo

Antigamente para ministrar um treinamento corporativo a empresa tinha que arcar com os custos de aluguel de um local, locomoção, possivelmente estadia e alimentação, professores e instrutores, e ainda a perda de produtividade da empresa no período em que ficava parada. Com o e-learning, os custos se resumem à produção do conteúdo e a manutenção da plataforma LMS.

Qual a diferença entre e-learning e treinamento presencial

Apesar dos dois tipos de ensino poderem ser até mesmo utilizados conjuntamente, separamos as principais diferenças entre e-learning e treinamento presencial.

1 – Sociabilidade – as interações entre alunos e até mesmo com os professores funciona de uma maneira diferente no ensino à distância. No e-learning essa relação acontece através de fóruns onde se pode tirar dúvidas e fazer perguntas;

2 – Local de aprendizado – como mencionamos anteriormente, não há restrições geográficas para realizar uma aula;

3 – Obsolescência – no ensino presencial os livros normalmente são de edições até mesmo antigas, levando anos para novas versões com conteúdo mais recente ser lançado;

4 – Engajamento – enquanto na sala de aula o tom e velocidade é quase sempre a mesma, no ensino virtual diversos tipos de material podem ser utilizados para atrair a atenção do colaborador, como vídeos, tamanho, fontes, gráficos;

5 – Personalização – possibilidade de total personalização da plataforma de ensino remoto;

Tempo de aprendizado – estima-se que para aprender um conteúdo de forma remota, gasta-se metade do tempo que presencialmente. Isso não quer dizer que o curso será mais rápido, pois as sessões de aprendizagem costumam ser mais curtas.

Como definir a melhor metodologia

Afinal, como é a melhor maneira de aplicar um treinamento para seus colaboradores? A resposta é: depende. O perfil dos funcionários e qual o objetivo do curso influenciam totalmente na decisão a ser tomada.

Se sua empresa possui uma média etária mais avançada, talvez não seja a melhor ideia migrar para o e-learning de forma rápida, apostando no ensino presencial ou híbrido, enquanto com uma empresa mais jovem, o sucesso do ensino remoto é garantido. Já a respeito do objetivo, deve-se prestar atenção em qual tipo de conteúdo, afinal, ensinar processos químicos, por exemplo, deve ser presencial.

Neste artigo pudemos aprender um pouco mais sobre o e-learning, quais suas vantagens, principais diferenças para o treinamento presencial e como decidir qual metodologia de ensino se adequa melhor à você e sua empresa. Não perca tempo e comece agora mesmo com treinamento corporativo em sua empresa.

 

Captcha obrigatório

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *